domingo, 30 de novembro de 2014

= CEM DIAS...” ALMYR KLINK” =

NESTE BARCO A REMOS ALMYR KLINK ATRAVESSOU A ATLÂNTICO


       Almyr Klink, maravilhoso livro “CEM DIAS ENTRE O CÉU E MAR”, no qual narra sua epopéia na travessia do Atlântico em um barco a remos. Ao seu final, com naturalidade e singeleza, termina sua jornada no litoral de Pernambuco, com sentimentos simples mas verídicos. São mais de 6.500 km. (sem GPS naturalmente), acompanhando correntes marítimas, ventos, turbulência e ondas de mais de dez metros de altura, traz na força dos braços seu pequenino barco da África ao Brasil. Um feito inédito. Digno. E tal sua simplicidade ergue-se sem o  ufanismo de um Charles Lindbergh , sem pinta de herói, sem qualquer homenagem a prestar-lhe o Governo brasileiro,
         Vejamos sua últimas palavras ao término no livro.
         Elas são significativas.
“Na quietude daquela noite, a última, ancorado no infinito sossego da Praia da Espera, sonhando com os olhos abertos e ouvindo outros barcos que também dormiam, descobri que a maior felicidade que existe é a silenciosa certeza de que vale a pena viver.
E dormi. A “lâmpada” ficou acesa. “
         J. R. M. Garcia. 

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

= JUSTIFICATIVA =

JUSTIFICATIVA



            Eu disse aqui, -aliás escrevi- , uma crônica a qual criticaram-me por lamentar a terceira e última idade.
        Foi domingo passado. Mais precisamente dia 16 deste mês.

             Ali afirmei:

        Em que isso atenta ao pudor?

        Onde isso diz inverdades?
        Onde minto?
        Onde há contradição?
        Aaaahhh!
 Mas bateram-me pesado com o labor e sabor de chibatadas!
É como se, com palavras de heresia sacrílega, houvesse textualizado  termos criminosos e não verdades tão banais quanto tão antigo existe o ser humano no planeta.
Eu poderia também ter somado, que na velhice, pessoas há que colhem os frutos do respeito, da veneração, da atenção, do carinho  que eventualmente lhes devam. Mais que o tributo de uma vida longa e cheia de lutas, é um dos legados maiores que pode o homem deixar. Mas não. Ao contrário quis firmar o lado negativo disso tudo...
E por que não deveria ?
Por que mentiria?
Tão verdade é a gratidão, quão verdade é a tristeza do poente.
Ao leitor justo e atilado saberá fazer a diferença. Os que somente assistem a um lado, certamente é um pouco caolho e o mundo, a idade, lhe endireitará a visão.
Talvez não saiba que a um cronista, a vitrine da vida é mais que um espelho do mundo, é o que vai além deste mostruário.
Abração  amigas(os) que sempre leem-me.
J. R. M. Garcia. 


sábado, 8 de novembro de 2014

= O UNIVERSO A CADA INSTANTE SE CRIA=

                               O universo a cada instante se cria.  
                        Cinco são seus sentidos perceptíveis. Outros há, obviamente, que estão distantes de nossa percepção, mas existem também.
                       Eu vejo o bem e mau, escolho-os, decido os caminhos por onde vou, piso nas pedras, na água, no fogo. Ora aprecio o amargo, o doce, o azedo, o acre e até o insípido. Sinto o calor, o frio, o mais ou menos quente. Ouço as músicas que gosto e as que não gosto também.  Os aromas sinto-os com maior prazer, evitando uns e aproximando dos que mais apetecem-me.
                        Mas é além de meus sentidos perceptíveis, é que realmente começam minhas verdadeiras sensações. De meu cérebro vem-me verdadeiras emoções desejadas e indesejadas,  as quais tento as vezes fugir e outras não.  Lembranças ruins tiram-me o sono, outras passeiam comigo em jardins que sequer consigo lembrar. Negócios, dívidas tiram meu sono. Preocupações fundadas ou não exasperam-me quase a loucura. Algumas falsas, outras reais, outras possíveis e impossíveis, perturbam-me como raios que passassem em minha mente.
                        Logo, o mundo palpável, sensível dos chamados cinco sentidos, molesta-me muito menos do que aqueles que andam por minha alma. E sabe por quê ? Porquê imagino que estou muito mais preparado para lidar com os fatos corriqueiros e banais de meus sentidos mais sensíveis, e muito menos com a alogia do que me vai no espírito. A lógica do espírito é outra. Ela deve existir – certamente existe – mas não estamos acostumados a lidar com ela. Nossa necessidade maior, mais premente, aparentemente é pagar dívidas, fazer novas dívidas, cuidar do que materialmente sentimos como necessário e evitar os azares destes compromissos descumpridos. Atendemos ao grito do corpo, mas esquecemos que a alma pode estar gritando desesperadamente por socorro. E ela, a alma, o faz em uma alogia que ainda não entendemos, enquanto que os sentidos superficiais  gritam. Aprenderam a gritar.
                        Mas saibam, tenham certeza, os dois, tanto o espírito como o corpo fazem parte de nosso universo.
                        Um universo dentro de nós e o outro fora de nós.
                    Acertar o compasso de ambos não é fato para um Blog, mas sim para todo um longo estudo ainda de remota compreensão.
                        J. R. M. Garcia.    

                        

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

= ELES ESTÃO EM CAMINHO ERRADO =

MUITO DA CIÊNCIA ESTÁ ERRADA 

               


Que me digam que estou ficando louco. ´
É possível !
Mas não posso mais deixar de dar a conhecer que a realidade que experiencio neste planeta é falsa. E isso me incomoda muito. É como se mostrasse um racionalista cartesiano, aristotélico, quando na verdade, embora o crendo verídico, vejo muito mais e além.
Mas...
E que “mas” é esse?
Este é o “mas” do físico Wolfgang Ernst Pauli com a inexplicável teoria do spin; são as vastas experiências de Joseph Banks Rhine com 50 anos de trabalhos laboratoriais na universidade de Duque; Einstein com sua petulância: "Eu jamais acreditaria em fantasmas, mesmo que eu visse um”;  Enrico Fermi e  as dúvidas inexplicáveis sobre a existência ou não de seres extra terrestres;  as experiência do psicanalista húngaro, Sándor Firenczi,  um dos mais íntimos colaboradores de Freud, tornou-se famoso pelas experiências psicanalíticas no campo da parapsicologia; é Niels Bohr provando em uma finíssima placa de ouro a presença de que dois corpos podem ocupar dois lugares a um só tempo, no universo, e Einstein, que assistiu a experiência, negando do fato diz que  “...Meu Deus não joga dados com o Universo”; Jung convivendo e dialogando com suas visões.  Toda esta gente laureada com o Nóbel de Física e Química e ciências tais constatam estes fatos.
Causas acausais existem.
E não procurem o porquê?
Isso seria tolice.
Este mundo aparente é apenas físico e nele causas sem efeitos não existem e vice versa. Quando muito somente para consumo racional.
Este, de causa e efeito, é estágio de Aristotales, que existiu a 322 anos antes de cristo. Um brilhante e inesquecível Mestre, mas verdades escapam de seu paganismo da época.
Agora, a Física vem demonstrando passo a passo que “fantasmas” existem. E “fantasmas” físicos, visíveis, palpável, sufiecientes para alterarem o “status quo”.
Melhor seria a afirmação de Santo Agstinho: “A graça é um ato inexplicável.”
Por tudo que vejo, olho, assusto, enchergo sim milagres inexplicáveis na Física, na Química, na Biologia e nas ciências em geral.
E sobre fantasmas?
Já os vi. Alguns. Não consigo explicar.
Deste modo quero afirmar aqui  que a Ciência vem desvendando o que não entendemos e eu, embora uma pessoa de formação cultural extremamente relaxada e didaticamente mais estrangulada ainda, gostaria de assegurar o quê vi, acompanhei, assisti,  li. O que falta é uma reunião  e sistematização de toda esta matéria para um novo avanço.   
Tenham um excelente fim de semana. 
J. R. M. Garcia.

domingo, 2 de novembro de 2014

= NÃO É SENSACIONALISMO ! =


É notícia de hoje:

“Estudo da ONU conclui que o aquecimento global nunca esteve tão acelerado. O relatório sobre Mudanças Climáticas, divulgado neste domingo pelas Nações Unidas, traz dados alarmantes.”

E advertiu:

“Os cientistas concluíram que a temperatura média da Terra aumentou 0,85 grau Celsius entre 1880 e 2012. Os números indicam um ritmo inédito no aquecimento global. O documento deixa claro que o mundo tem pouco tempo para evitar que a mudança climática supere os dois graus Celsius, como determina um acordo internacional.”
E concluiu:
“Regiões costeiras do planeta serão gravemente prejudicadas e algumas ilhas desaparecerão. O documento ainda indica que o aquecimento global já está reduzindo a oferta de água potável e ameaçando animais com a extinção.”
E a pergunta que faço é simples:

Existe paradigma capaz de garantir o crescimento da espécie humana sem a utilização de aviões, tratores, caminhões, automóveis, trens, navios, energia elétrica, elevadores, vias asfaltadas, internet, telefonia, assistência médica de excelência?
Aí está.
Sem esta resposta outras não teremos.
É nos laboratórios, sem o objetivo meramente especulativo é, que poderá achar este resposta.
Se assim não for....
Tenham uma ótima semana com muita chuva.
J.R.M.Garcia.  



sábado, 1 de novembro de 2014

- IMPEACHMENT de DILMA -

MANIFESTAÇÃO  PÚBLICA

Gente !
Convenhamos.
Aécio  - dizem - estava ganhando até o fim e, de repente, a outra candidata ultrapassou por pequeno número o  candidato.
Duvido que houve fraude.
Quem seria eu para penetrar nos meandros destas urnas eletrônicas, onde somente tem acesso o Ministro, ex-consultor jurídico do Departamento Nacional dos Trabalhadores Rurais da Central Única dos Trabalhadores (1993 - 1994). Em 1994 e 1995 prestou concurso para juiz substituto do Estado de São Paulo, mas foi reprovado nas duas veze. Apenas uma infelicidade passageira. Seu destino ia ser outro.  Mas, ao final, entre 1995 e 2000, foi assessor jurídico da liderança do Partido dos Trabalhadores, na Câmara dos Deputados, em Brasília.[]

TOFFOLI

Foi advogado do PT nas campanhas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 1998, 2002 e 2006 e em 12 de março de 2007, a convite do presidente Luiz Inácio Lula da Silva — de quem Toffoli foi advogado de campanh[] —, assumiu a Advocacia-Geral da União, ao final Dias Toffoli foi indicado pelo Presidente Lula para assumir a vaga decorrente do falecimento do ministro Carlos Alberto Menezes Direito, no Supremo Tribunal Federal (STF).
Resumindo.  Dias Toffoli foi indicado pelo Presidente Lula para assumir a vaga decorrente do falecimento do ministro Carlos Alberto Menezes Direito no Supremo Tribunal Federal (STF).
Este pobre e humilde escriba, jamais poderia palpitar, seja lá o que fosse, sobre o resultado das urnas eletrônicas.
Noticiou-se que dois advogados, um deles ligado ao PSDB, protocolaram nesta quarta-feira, na presidência do Senado, pedido de impeachment do ministro.
Não creio que isso resultará em nada. Obviamente a apuração foi honesta, clara e justa. Nenhuma dúvida há de pairar sobre a honorabilidade, a conduta ilibada do sábio Ministro, mesmo sendo ele amigo íntimo de Lula.
Mas, voltando ao princípio desta crônica.
Deus ajudou Aécio, não deixando que semelhante herança arrebentasse sobre sua pessoa. Épocas muito tristes, sombrias e penumbrosas virão por aí. Derrotando-o ele teve a vitória.
Deus gosta de você Aécio.
Tenham um ótimo domingo.
J.R.M.Garca.



= HERANÇA DA PRESIDENTA =

-A PROFECIA PRENUNUNCIA-SE-

Notícias econômicas recentes

o   ‘ROMBO DAS CONTAS PÚBLICAS É RECORDE’ 
‘GOVERNO ATRASA PAGAMENTO A ESTALEIROS’
o   ‘ITAMARATY ATRASA PAGAMENTOS A FUNCIONÁRIOS NO EXTERIOR’
o   ‘BRASIL SERÁ REBAIXADO  
LLUCROS DOS BANCOS SÃO EXTRAORDINÁRIOS
o   ‘RESERVATÓRIOS TEM O PIOR NÍVEL DESDE 2001’
o   ‘GOVERNO ATRASA REPASSES DE R$1,2 BILHÃO AO SETOR ELÉTRICO’

No cenário externo

·       QUEDA DE PREÇOS DAS COMMODITIES
·  REVERSÃO DA POLÍTICA DE AFROUXAMENTO DO FED       QUEDA DA ATIVIDADE ECONÔMICA DA CHINA
COLAPSO DA ARGENTINA (nosso maior parceiro comercial)       EUROPA FLERTANDO COM A RECESSÃO

No cenário macroeconômico

v Persistência da alta da inflação que, agora, é agravada por:

§  Alta do dólar (ao menos 40% dos produtos que consumimos –direta ou indiretamente- são importados)
§  Alta dos preços controlados pelo Governo (energia elétrica e combustível)
§  Descontrole das contas públicas

v Aumento das taxas de juros que estrangula o mercado imobiliário

v Esgotamento do ciclo de expansão do crédito

v Esgotamento do ciclo da indústria automobilística

v Dificuldade em cobrir o déficit nas contas externas

No cenário político

ü Isolamento da presidência
ü Fortalecimento da oposição
ü Cisão interna do PT
ü Desdobramentos das investigações da CPI

Enfim, não há como não ‘prever’ que 2015 auspicioso.
Quiçá além de muitos duros.
Não há um só elemento que aponte o contrário.
Pior: há uma conjunção de fatores que somam e agravam formando a crise perfeita.
 J. R. M. Garcia.